Flúor

A DAE S/A informa sobre a adição de composto de flúor na água destinada à rede de abastecimento público:

A concentração do íon fluoreto em água para consumo humano é regulamentada, atualmente, pela Portaria de Consolidação nº 05, de 28 de setembro de 2017, Anexo XX, a qual é oriunda da Portaria MS nº 2.914, de 12 de dezembro de 2011.

A Portaria PRC nº 05, regulamenta, em todo território brasileiro, todos os parâmetros e suas concentrações para a potabilidade de água para consumo humano.

A PRC nº 05 a qual cita: § 1º No caso de adição de flúor (fluoretação), os valores recomendados para concentração de íon fluoreto devem observar a Portaria nº 635/GM/MS, 30 de janeiro de 1976, não podendo ultrapassar o VMP (Valores Máximo Permitido) expresso na tabela do Anexo VII a esta Portaria”.

Anexo VII:

Fluoreto VMP – Valor Máximo Permitido = 1.5 mg/L.

A DAE S/A também segue a Resolução SS 250, de 15 de agosto de 1995,  que regulamenta a concentração de íon fluoreto em água para consumo humano, adotada em todo o Estado de São Paulo.

A Resolução SS 250, de 15 de agosto de 1995 cita:

“Artigo 1 – Fica estabelecido que o teor de concentração ideal íon fluoreto na água destinada ao consumo humano é de 0.7 mg/L no Estado de São Paulo

Parágrafo único – Serão considerados dentro do Padrão de Potabilidade, as águas que apresentarem a concentração de íon fluoreto dentro da faixa de 0.6 a 0.8 mg/L.”

Confira a dosagem de flúor no sistema de abastecimento:

Março/2018

Abril/2018

Essas informações também atende aos ditames da Lei nº 8.946, de 18 de abril de 2018.




Rodovia Vereador Geraldo Dias, 1500
Vila Hortolândia - Jundiaí - SP ver no mapa
Telefone: (11) 4589-1300
Prefeitura de Jundiaí
DAE Jundiaí | Desenvolvido por CIJUN